sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Inspiração

Hey everybody, como é que estão?
Ultimamente tenho andado muito carente, e deu-me na cabeça escrever um poema.
Que até não me correu nada mal. 
Aqui vai: 

Vejo-te a ti e a mim,
juntos, num beijo apaixonado.
Escondes a cara nos meus cabelos castanhos,
e abraças-me, como se fosse a ultima vez que me visses na tua vida.
E na verdade não será?
Quem somos nós para determinarmos o destino?
Um destino que já está traçado?
O meu coração despedaçasse , 
por pensar que nunca mais poderei ver a tua cara,
nunca mais poderei ver-te a ti
e aos teus olhos inexpressivos,
que neste momento se fixam nos meus,
os teus olhos que jamais irei esquecer.
Será que podemos permanecer assim para sempre?
Seremos capazes de ultrapassar os obstáculos?
Essa resposta não existe,
porque agora tu foste-te embora,
deixando-me sozinha neste labirinto desconhecido.
Os meus olhos enchem-se de lágrimas,
aquelas lágrimas que nunca irias causar, 
aquelas lágrimas que prometi nunca deixar cair. 


15 comentários: